Paul Di'Anno quer ver o Corinthians jogando!

O vocalista Paul Di'Anno se apresenta em São Paulo, nesta quinta, 2, e quer ver o Timão jogando! O ex-Iron Maiden, que agora tem 52 anos, é figurinha pra lá de carimbada em nossas plagas. Ele nunca escondeu que adora o Brasil - pelo menos uma vez por ano o músico pinta por aqui.

Desde o começo de agosto ele cumpre uma extensa temporada de shows no país. Já passou por Manaus, Londrina, Fortaleza, Goiânia, Brasília, Cachoeiro de Itapemirim, Teresina, Belém, Rio de Janeiro, etc. Agora é a vez de São Paulo. Nessa quinta-feira, 2, Di'Anno solta a voz no Manifesto Bar, no bairro do Itaim.

SAIBA MAIS:
MANIFESTO BAR: PAUL DI'ANNO EM SP

A banda de apoio do vocalista vai ser o Scelerata, formado por Fabio Santos (vocal), Magnus Wichmann e Renato Osório (guitarras), Gustavo Strapazon (baixo) e Francis Cassol (bateria). A apresentação de Di'Anno não vai ter grandes surpresas. Ele centrará fogo no repertório de Iron Maiden (1980) e Killers (1981), os dois primeiros discos de sua antiga banda, além de apresentar algum material solo.

Paul Di'Anno, falando à Rolling Stone Brasil por telefone diretamente do Rio de Janeiro, resume tudo:
"Cantar no Brasil nunca é trabalho. São férias pagas. Eu tenho centenas de amigos no país, principalmente em São Paulo. Vai ser demais encontrar o pessoal de novo, andar pelas ruas. Já estava me divertindo aqui na calçada de Copacabana. Mas estou louco mesmo para assistir ao Corinthians ao vivo. Vi alguns jogos recentes em vídeo, mas nada se compara ao calor do estádio. Porém, o que eu sempre gostei no Brasil foi a paixão que o país tem pelo metal. Eu já rodei o mundo todo e nunca vi músicos tão bons quanto os daqui. Estamos comemorando os 30 anos do primeiro disco do Maiden e os shows até agora têm sido muito bons."
Paul Di'Anno
O vocalista está atualmente morando em Miami. "Pra falar a verdade, eu odeio aquele lugar. Mas é que minha mulher é venezuelana e Miami é um lugar estratégico. De lá é possível ir para várias partes do mundo", fala. No ano que vem, Di'Anno diz que vai dar uma parada com as viagens para poder se dedicar a um antigo interesse pessoal, como explica: "Pois é, eu vou voltar para a escola. Mas é escola de tatuagem. Espero sair de lá como um bom tatuador." Enquanto nada disso acontece, ele segue se apresentando em São Paulo. Os outros shows estão marcados para o dia 3, em Leme, dia 4, em Novo Horizonte, dia 5, em Sorocaba, no dia 6 é a vez de Santos e, dia 7, Guarulhos. Depois do Brasil, Di'Anno tem apresentações agendadas na Austrália, outro pais que ele diz apreciar muito. No final do ano, canta na Inglaterra.

Fonte: Rolling Stone Brasil
Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »