Médico abandona hospital para ver o Iron Maiden

"Desculpe Bergen, mas o concerto foi muito bom." Estas foram as palavras de Jan Norvald Øren, o médico norueguês que no dia 11 de agosto, deixou seu emprego no departamento de emergência de um hospital em Bergen para assistir ao show do Iron Maiden em sua cidade. O assunto está dando o que falar na Noruega e ao que parece terá que ser resolvido em um tribunal.

O Heavy Metal é uma religião, e que ninguém duvide da fé de Jan Øren. O médico garante que só foi ao show depois de consultar seu chefe no hospital e saber que tudo estava sob controle, e completa:

"Não hesitei em nenhum momento em colocar minhas botas de couro e sair para ver meus ídolos, os ingleses do Iron Maiden."

Øren não imaginava que o turno da noite seria particularmente problemático naquele dia ou que sua decisão iria colocar o serviço de emergência nas mãos de um único médico. Jan Øren, que estava provisoriamente no serviço no dia seguinte, não demonstrou nenhum remorso. "Sempre temos filas no hospital", justifica. Apesar das inúmeras queixas recebidas dos pacientes, "Dr. Rock", como é chamado, ameaça levar à justiça os seus superiores, se a ação disciplinar apropriada for resolvida com algo mais que uma punição leve.

Fonte: Bergens Tidende
Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »