Paul Di'Anno revela que quase morreu e não consegue andar há quatro anos


Paul Di'Anno, eterno ex-vocalista do Iron Maiden, conversou recentemente com o site espanhol Mariskal Rock. A entrevista foi conduzida por Jason Cenador, e entre outros temas, abordou os recentes problemas de saúde pelos quais Paul passou.

"Eu quase morri há quatro anos. Eu tive sepse na Argentina. Estava muito, muito doente. Eu cheguei em casa na Inglaterra e depois fui direto para o hospital. Estou entrando e saindo do hospital há quatro anos. Eu fiz operações nas duas pernas. Eu não consigo andar há quatro anos. Tem sido muito, muito difícil para mim no momento.", afirmou Paul.

Nota: segundo definição do Dr. Drauzio Varela, "A sepse é uma doença potencialmente grave desencadeada por uma inflamação que se espalha pelo organismo diante de uma infecção, podendo levar a queda da pressão arterial, falência de órgãos, entre outros sintomas."

Paul falou sobre como a doença interfere em seus planos de tocar: "...tem sido muito difícil. No momento, eu só tenho um joelho. O outro joelho foi retirado, mas não há novo joelho... Mas eu quero tocar, obviamente, mas não posso fazer isso até que eu esteja arrumado.Não parei de tocar música e não tenho planos de me aposentar - quero continuar tocando - mas preciso melhorar."

Sobre a sua recuperação, Di' Anno mantém as esperanças: "Não estou ficando cada vez melhor - ainda não, até que meus dois joelhos sejam operados. A próxima operação será tirar meu joelho esquerdo e depois colocar uma prótese imediatamente, e eu tenho que fazer reabilitação para tentar ficar de pé com essa perna. E então eu poderei andar de muletas depois de um tempo, o que seria fantástico... Mas, de qualquer maneira, no momento, estou progredindo bem, então estou aguardando a próxima ligação que receber, que será para cirurgia e para resolver isso".

Fonte: Whiplash.Net

Tecnologia do Blogger.