Rock in Rio: Iron Maiden pediu água vulcânica no camarim


A produtora Ingrid Berger, que comanda os camarins do Rock in Rio desde a edição de 2001, falou sobre o trabalho para este ano em entrevista ao UOL. A publicação, ela revelou que nenhum artista tem dado trabalho com suas exigências e que os pedidos têm sido cada vez mais saudáveis.

"Pedidos incomuns mesmo, essas coisas absurdas, não existem mais hoje. O incomum acontecia até uns 15 anos atrás, quando tudo era muito difícil de encontrar no Brasil. Carne seca, aperitivos, kombucha, aquela bebida fermentada, bebida sem glúten. A gente nem sabia o que era isso antigamente, e hoje é possível encontrar todos esses produtos por aqui", afirmou.

A reportagem do UOL perguntou se o Iron Maiden realmente pediu água vulcânica e Ingrid Berger confirmou. "Eles pediram a água Fiji, que vem da ilha de Fiji, das pedras dos vulcões. É uma água superclara, límpida e muito comum nos Estados Unidos. Lá, você encontra em qualquer supermercado. Mas não é nada de outro mundo. É uma água pura como a nossa São Lourenço, por exemplo", disse.

Os pedidos dos artistas, aliás, estão cada vez mais saudáveis. "O que eles mais querem, e que eu coloco em todos os camarins, são sucos frescos, feitos na hora. E também legumes e frutas. E aquela comidinha básica. Peitinho de frango, saladinha, brócolis. Não tem nada tipo hambúrguer, batata frita, McDonald's. Essa história acabou. As pessoas estão muito mais saudáveis. E quando mais velha é a banda, mais saudável ela é", afirmou.

Ainda durante a entrevista, Ingrid Berger confirmou que Drake foi o artista que mais deu trabalho, pois sua produção trouxe chef e comida próprios. "Não comprou nem salsinha no Brasil", diz. "Sabemos que houve até um tumulto na cozinha, porque tudo precisou passar pela nossa vigilância sanitária."

Fonte: Whiplash.Net
Tecnologia do Blogger.