Brexit: Bruce Dickinson otimista com a saída do Reino Unido da União Europeia



O vocalista do Iron Maiden disse em entrevista ao Wales Online que vê no Brexit muito mais oportunidades do que ameaças. Bruce Dickinson está otimista sobre os efeitos da saída do Reino Unido da União Europeia em seus negócios e na aviação da Grã-Bretanha de uma forma geral. Ele aponta como exemplos os países fora da UE com indústrias de aviação muito saudáveis, como a Noruega e a Islândia.

"Na Cardiff Aviation mantemos negócios com diversos países ao redor do mundo para reparos em seus aviões. Qualquer companhia aérea de qualquer lugar da Europa ou do mundo pode vir aqui e pegar seus aviões consertados. Um Boeing é um Boeing, voam em todos os lugares e nós podemos consertá-los. O valor da Libra caiu, o que foi muito bom para nós, o resto é a qualidade do nosso trabalho. Essas duas coisas fazem com que sejamos competitivos. A mesma coisa com o treinamento de pilotos".

"Há todos os tipos de alianças que podemos fazer com os países europeus, pois estamos no Reino Unido e África, bem como na Europa, e eu acho que é um modelo que uma ou duas outras pessoas podem acabar fazendo. O Reino Unido é um dos centros de transporte mais bem sucedidos da Europa, os americanos não vão parar de vir aqui e se eles estão vindo, todo mundo vai continuar vindo aqui. Você pode chegar a qualquer lugar do mundo a partir de Londres, mais do que de qualquer outro lugar do mundo".
Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »