Após dez dias em manutenção, avião do Iron Maiden se junta à banda no DF



Depois de dez dias em manutenção por danos na carenagem de dois motores e no trem de pouso, o avião Ed Force One, da banda de heavy metal Iron Maiden, voltou a voar nesta terça-feira (22). A aeronave desembarcou no fim da tarde no Aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília, onde o grupo se apresenta nesta noite.

Os músicos devem deixar a capital federal, já a bordo do Ed Force One, na tarde desta quarta-feira (23). A etapa brasileira da turnê "The book of souls" continua na quinta (24), em Fortaleza. A última cidade do país a receber o show é São Paulo, onde o Iron Maiden se apresenta no sábado (26).
O acidente com o avião da banda aconteceu no dia 12, no Aeroporto Internacional Arturo Merino Benitez, em Santiago do Chile. A aeronave foi atingida por um equipamento de pista.

No momento de fazer a curva, o veículo não tinha direção e colidiu com o carro de pushback (veículo que transporta os aviões nas pistas dos aeroportos por meio de encaixe) danificando o trem de pouso e dois motores da aeronave. Dois operadores ficaram feridos e foram levados ao hospital.

Durante o período em que o Ed Force One ficou em manutenção, a banda fretou jatos para o transporte dos integrantes e da equipe e um avião cargueiro para o transporte de equipamentos. Em dez dias, o Iron Maiden se apresentou em Córdoba, na Argentina, no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte.

O Ed Force One é pilotado pelo próprio vocalista da banda, Bruce Dickinson. A aeronave é customizada com o logo do grupo e artes do novo álbum. Os músicos, toda a equipe e os equipamentos – incluindo instrumentos, amplificadores, estrutura de palco e cenário, são transportados pelo avião. Ao todo, são 12 toneladas de equipamentos.

Fonte: G1
Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »