IMFC - Entrevista com Steve Harris

Na sequência a terceira das 3 traduções das entrevistas que Nicko Mcbrain, Steve Harris e Rod Smallwood concederam ao IMFC - Iron Maiden Fan Club. Confira as perguntas dos fãs e as respostas do baixista Steve Harris.

01 - Você obviamente tem um interesse em história, mas qual período o fascina mais e por quê?
Eu gosto de tudo relacionado à história, mas por alguma desconhecida razão eu pareço estar mais voltado para a Idade Média. Eu gostaria de ter vivido lá, mas nos altos escalões da sociedade, mais do que na baixa, senão poderia ser um pouco como é mostrado no episódio de Monty Python!

02 - Quem você consideraria o músico mais influente do último século?

Esta é difícil! Se você quer dizer como uma influência para mim pessoalmente, então eu diria que tem que ser Ian Anderson do Jethro Tull.

03 - De todas as bandas que vieram e se foram, em qual delas você gostaria de ter tocado?

Esta também é outra bem difícil. UFO.

04 - Mesmo? Pensei que você teria dito Jethro Tull.

Não, não mesmo. Como uma banda de rock ao vivo Tull é fantástico, mas UFO é mais o que eu sentiria em termos de aproveitamento físico e musical.

05 - Iron Maiden teve alguns percalços no início com as formações. Como você conseguia lidar com tudo isso?

Sim, foi duro. Toda vez que você se empenha em fazer algo, e você está há muito tempo em ensaios e alguma coisa não funciona, é preciso começar tudo novamente o que é muito frustrante para dizer o mínimo. Mas você precisa tirar a sujeira de cima e continuar com a coisa.

06 - Você acha que os fãs do Maiden em zonas de guerra como no Oriente Médio vêem as músicas da banda diferentemente de outros fãs?

Quem sabe? Tudo o que posso dizer é que um fã do Maiden é um fã do Maiden onde quer que esteja no mundo, o que quer esteja acontecendo e eles parecem gostar da música pelas mesmas razões, então eu diria que provavelmente não.

07 - Como o seu interesse por esse particular tipo de música começou?

Quando eu estava no colégio, costumava sair com um amigo meu para jogar xadrez, acredite ou não, e ele tocava pra mim os álbuns iniciais do Genesis, Black Sabbath, King Crimson, todo tipo de coisa... Jethro Tull, Free, Wishbone Ash. O cara tinha um bom gosto, é tudo o que posso dizer! Ele que me começou nessa. Me emprestava alguns álbuns e foi assim.

08 - Qual foi a sua última aquisição em DVD?

"Slumdog Millionaire". Brilhante, absolutamente brilhante!

09 - Em qual ponto na carreira do Maiden você percebeu que a banda tinha "acontecido" na cena musical? Há algum momento específico que venha à mente?
Eu acho que foi quando assinamos o contrato com a EMI para três álbuns. Dali nós sabíamos que teríamos um futuro sólido, bem pelo menos pelos próximos 3 álbuns obviamente, então aquela foi uma aquisição fantástica após quatro anos e meio de batalha dura para realizar as coisas e então ser assinado e tudo mais. Eu acho que essa foi a peça pivotante realmente.

10 - Todos nós sabemos que você é um músico auto-didata. Quão profundo é o seu conhecimento sobre teoria musical, harmonia e coisas assim, e qual é a técnica utilizada pela destra, de uma vez por todas?

São dois dedos, a maior parte das pessoas pensam que são mais do que isso, mas são apenas dois. Eu não sei como desenvolvi isso, mesmo. Tudo o que fiz foi tentar e aprender com tantos músicos diferentes como foi possível assim como com bandas diferentes. Havia muitas bandas que eu amava. e tive sorte o suficiente de crescer nos anos 70 quando havia uma vasta variedade de coisas e eu acho que você pega suas influências de tudo. E eu não analizo isso.

11 - Se você tivesse a oportunidade de convidar quatro figuras históricas por uma cerveja e um curry, quem seriam?

Guy Fawkes, Henrique VIII (só porque eu sei que ele traria todas as suas esposas com ele), Alfred The Great e... Edward Longshanks porque todo mundo parece pensar que ele foi um cuzão então eu gostaria de descobrir por mim mesmo!

12 - Já houve alguma vez na história do Maiden quando você pensou em desistir?

Não, realmente não. Houve cerca de 2 horas... depois de Bruce ter partido... senão... não.

13 - Se você pudesse ter o papel principal em um filme, que filme gostaria que fosse?

Qual é esse filme que é com Malcolm McDowell...? O Romano. Ah sim... Calígula.

14 - Há alguma letra que você tenha escrito que você realmente desejaria não ter escrito?

Sim. Há algumas linhas em "Quest For Fire" que eu gostaria de ter mudado.

15 - Sério? Alguma dica de quais seriam elas?

Não. Eu acho que é muito óbvio!

16 - Dado a chance de voltar no tempo, o que você gostaria de ter inventado?

O futebol!

17 - Qual foi o pior concerto em que já esteve? E por quê?

Syracusa, Nova York. Porque a multidão se portava como se estivesse presa ao chão. Bruce entrou pela audiência porque eles estavam muito quietos, e ao invés de o assediarem eles meio que ficaram horrorizados e ficaram evitando ele. Foi muito engraçado. Cerca de 25 anos atrás. E mais pra frente a coisa mais estranha foi que pessoas diriam que foi como a melhor reação que tinham presenciiado por lá, então eu pensei: 'Bem eu odiaria ficar pra ver a pior reação!'.

18 - Se o West Ham United oferecesse a você uma vaga para conselheiro técnico ou algo assim, e você tivesse tempo suficiente para cuidar do Maiden também, você aceitaria?

Tempo suficiente? Puta merda eu precisaria ter duas vidas!
19 - Capa favorita de álbum da banda?

Esta é bem difícil. Elas são todas boas. Provavelmente a do A Matter of Life and Death, penso eu.
20 - Olhando pra trás, qual foi a vestimenta que mais valeu a pena você ter usado no palco?

Putz! Nenhuma delas é tão ruim como as de Nicko... Qualquer uma de Nicko!

Fonte: IMBNotícias
Agradecimentos: Lira (IM Pub
)
Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »