Bruce Dickinson: "Tudo o que fizemos foi estar no filme!"

Bruce Dickinson concedeu uma entrevista exclusiva à Metal Hammer britânica para falar sobre o filme do IRON MAIDEN, o “Iron Maiden: Flight 666.”

O filme documenta a vida na estrada com o Maiden na turnê mundial “Somewhere In Time World Tour” e estreará nos cinemas britânicos no dia 21 de abril – que também é o dia oficial da banda (Iron Maiden Day).

Metal Hammer: Sobre o filme: Documentários são coisas pequenas, geralmente algo focado para os fãs, mas a escala desse lançamento é algo monstruoso. Qual a intenção de vocês?

Bruce: “Eu realmente não sei qual é de fato a intenção... Tudo que nós fizemos foi estar no filme.”

Metal Hammer: Algum tipo de reserva (restrição) em relação o filme?

Bruce: “Eu provavelmente tenho menos problemas com isso do que os outros caras, porque estou sempre dando entrevistas e coisas do tipo. Adrian estava um pouco apreensivo com tudo isso, mas logo ele relaxou; os caras (da produção) eram muito legais e acabaram fazendo parte da equipe. Nós estávamos todos vestidos como travestis escoceses, usando perucas do Ken Dodd e parte da equipe pegou os celulares e começou a bater fotos! Aí você diz: 'Não! Fotos não!' Somos amigos e todos estão se matando de rir... Isso foi praticamente o que aconteceu com a equipe do documentário, o que poderia ser muito perigoso se eles decidissem nos ferrar. No final das contas, eles contam uma história baseada nas impressões deles próprios.”

Leia o artigo completo (em inglês) neste link.
Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »